segunda-feira, 2 de setembro de 2013

VEJA AQUI OS NOMES DOS 104 DEPUTADOS QUE AJUDARAM A REDUZIR O QUORUM E IMPEDIR A CASSAÇÃO DE NATAN DONADON. ENTRE ELES MUITOS EVANGÉLICOS.

A seguir, a lista completa dos 104 deputados que não votaram na sessão de ontem (28.ago.2013), quando foi analisado (e rejeitado) o pedido de cassação do deputado Natan Donadon (ex-PMDB), de Rondônia.
Muitos desses deputados estavam presentes na Câmara, mas preferiram não votar. Para efeitos práticos, é como se tivessem faltado.
Para todos os efeitos, portanto, estavam ausentes da sessão de votação. Ou seja, esses 104 deputados foram explicitamente a favor de salvar o mandato de Natan Donadon: ajudaram a reduzir o quórum e tornaram mais difícil atingir os 257 votos, o mínimo necessário para uma cassação.
Eis a relação completa dos ausentes (os que não votaram) na sessão de 28.ago.2013:
Abaixo, a relação oficial fornecida pela Câmara dos Deputados *
PT
Presentes – 78
Votantes – 67
Registraram presença, mas não votaram:
Angelo Vanhoni (PR)
Beto Faro (PA)
Biffi (MS)
Iriny Lopes (ES) (Veja aqui a justificativa apresentada)
João Paulo Cunha (SP)
Marina Santanna (GO)
Miguel Correa (MG)
Odair Cunha (MG)
Pedro Eugênio (PE)
Pedro Uczai (SC)
Vicentinho (SP)
PP 
Presentes – 32
Votantes – 24
Registraram presença, mas não votaram:
Beto Mansur (SP)
José Linhares (CE)
José Otávio Germano (RS)
Luiz Fernando Faria (MG)
Paulo Maluf (SP)
Renzo Braz (MG)
Toninho Pinheiro (MG)
Vilson Covatti (RS)
PMDB
Presentes – 73
Votantes – 66
Registraram presença, mas não votaram:
André Zacharow (PR)
Eliseu Padilha (RS)
Gabriel Chalita (SP)
Genecias Noronha (CE)
Leonardo Quintão (MG)
José Priante (PA)
Newton Cardoso (MG)
PSD
Presentes – 38
Votantes – 33
Registraram presença, mas não votaram:
Edson Pimenta (BA)
Eduardo Sciarra (PR) (Veja aqui a justificativa apresentada)
Eliene Lima (MT)
José Carlos Araújo (BA)
Sérgio Brito (BA)
DEMPresentes – 26
Votantes – 22
Registraram presença, mas não votaram:
Cláudio Cajado (BA) (Veja aqui a justificativa apresentada)
Jorge Tadeu Mudalen (SP)
Lira Maia (PA)
Eli Correa Filho (SP)
PDT
Presentes – 26
Votantes – 23
Registraram presença, mas não votaram:
Enio Bacci (RS)
Giovani Cherini (RS)
Giovanni Queiroz (PA)
PR
Presentes – 31
Votantes – 29
Registraram presença, mas não votaram:
Valdemar Costa Neto (SP)
Vicente Arruda (CE)
PSB
Presentes – 21
Votantes – 19
Registraram presença, mas não votaram:
Abelardo Camarinha (SP)
Paulo Foletto (ES)
PSC
Presentes – 16
Votantes – 14
Registraram presença, mas não votaram:
Nelson Padovani (PR)
Pastor Marco Feliciano (SP)
PSDBPresentes – 45
Votantes – 43
Registraram presença, mas não votaram:
Carlos Roberto (SP)
Marco Tebaldi (SC)
PCdoBPresentes – 12
Votantes – 11
Registrou presença, mas não votou:
Jandira Feghali (RJ)
PMNPresentes – 3
Votantes – 2
Registrou presença, mas não votou:
Jaqueline Roriz (DF)
PPSPresentes – 10
Votantes – 9
Registrou presença, mas não votou:
Arnaldo Jardim (SP)
PVPresentes – 10
Votantes – 9
Registrou presença, mas não votou:
Eurico Júnior (RJ)
Fonte: Congresso em Foco, com base nas listas de presença e votação da Câmara dos Deputados, na sessão extraordinária de 28 de agosto de 2013.

4 comentários:

Alberto Couto Filho disse...

Amigão
Paz

...e lá esteve o presidente da CDHM, o evangélico MARCO INFELICIANO que, provavelmente, estava do lado do NATAN.
SÓ JESUS!

Pastor Guedes disse...

Caro Amigão, Alberto, a Paz!

Agradeço por sua visita e pelo seu comentário.

A melhor palavra para esse escândalo que deixou indignado até mesmo o Presidente do STF, e: VERGONHA!!!

Abração.

1000NOTICIAS disse...

A PAZ DE CRISTO, QUERIDO PASTOR. VERGONHA NACIONAL. BOM VER O NOME DELES. PARABÉNS PELO SERVIÇO DE INFORMAR TAMBÉM.

Pb Fernando disse...

É, infelizmente a classe política brasileira é uma vergonha.